Radar Financeiro: Juros em queda, bancos fragilizados e flashcrash na Deribit

Home / Radar Financeiro: Juros em queda, bancos fragilizados e flashcrash na Deribit

1 de novembro, 2019

|

por: Lucas Bassotto

|

Categorias: Investimentos, Notícias

Radar Financeiro: Juros em queda, bancos fragilizados e flashcrash na Deribit

Esse é um resumo semanal comentado das principais notícias do mercado financeiro da semana. Economia, investimentos, criptomoedas, política e muito mais. Informação de qualidade com leitura fácil e rápida, o jeito mais fácil de se manter informado sobre o mercado.
Antes de continuar, inscreva-se em nossa Newsletter se quiser receber nossos relatórios de Bitcoin em primeira mão:


Economia

(Valor) FED corta Juros e Copom segue o mesmo caminho

O mercado (bancos, casas de análise e economistas) já estava esperando um novo corte de juros na economia brasileira. A expectativa se tornou certeza quando o FED (Banco Central dos Estados Unidos) decidiu cortar juros na economia americana. 

O COPOM (Comitê de Política Monetária) seguiu os americanos e aproveitou para diminuir nossa taxa de juros para a mínima histórica de 5% ao ano. Quem investe na poupança tem motivos para se lamentar, a rentabilidade real dela pode ficar negativa.

(G1) Desemprego cai para 11,8%, mas ainda atinge 12,5 milhões

O mês de setembro teve a melhor geração de empregos desde 2013, com mais de 157 mil vagas criadas. Os estragos da grande recessão brasileira estão sendo consertados. A economia se recupera lentamente, mas o ritmo de crescimento deve acelerar a partir de 2020. 

Negócios

(Estadão) Itaú compra startup mineira Zup por 575 milhões

O Itaú anunciou na noite de quinta-feira, 31, que fechou a aquisição de 100% do capital da mineira Zup, startup fundada em 2011. O valor total da transação é de 575 milhões de reais, e a compra será feita em três etapas ao longo de quatro anos. A empresa é especializada em serviços de big data, com análises de grandes bancos de dados.

(Infomoney) MercadoLivre pode incomodar a Magazine Luiza?

A divulgação dos resultados financeiros do Mercado Livre mostram que a posição da líder de e-commerce não está ameaçada, por enquanto. O valor das mercadorias vendidas no site cresceu 24% em relação ao mesmo período. Também é possível ver crescimento na frente de pagamentos através do MercadoPago, que aumentou em 94,5% o volume de transações processadas. 

Criptoeconomia

(TheBlock) Deribit com problemas

Usuários da Deribit (incluindo eu) foram pegos de surpresa com um flashcrash no preço do contrato de Bitcoin Perpetuals. Os fundadores da plataforma pediram desculpas e reembolsaram em mais de 150 BTCs os traders que foram liquidados por conta dessa subida queda de preços. Flashcrash é ruim para a reputação de qualquer plataforma de trade, ainda mais para a Deribit, que ainda é nova, mas está crescendo rapidamente e incomodando a Bitmex.

(RadarBTC) Litecoin vai de mal a pior

60% do poder computacional da moeda está sem utilização. A Litecoin está ficando mais vulnerável a ataques depois do seu Halving (ocorrido em Agosto). Desde então, o poder computacional da rede vem caindo de forma acelerada. De acordo com o RadarBTC, são necessários R$ 13.400/hora para controlar 40% da rede.

(Investificar) Volume da Bakkt melhorou 

Muita gente se decepcionou quando a Bakkt começou a operar. Os baixos volumes de negociação confrontaram expectativas muito otimistas. Contudo, o volume da plataforma da ICE vem apresentando melhoras, especialmente durante essa semana. É possível constatar a melhora observando dados do Skew.

melhora de volume na bakkt radar financeiro

Volume da Bakkt. Fonte: Skew Markets.

É preciso lembrar que a adoção da Bakkt vai ser lenta. Os interessados estão levando até 3 dias para abrir a conta. Muita gente ainda vai ficar testando por meses e meses.

Leituras para o final de semana

Value Investing: a fonte da riqueza de Luiz Barsi

Introdução ao pensamento Nassim Taleb: Cisnes Negros e Antifragilidade

Como usar a Escola Austríaca para investir

Comprar imóvel ou alugar? Qual é a melhor opção?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *