Flamengo lançará criptomoeda oficial, em cooperação com a Socios.com

Flamengo lançará criptomoeda oficial, em cooperação com a Socios.com

Em meio a um enfrentamento com relação à queda nas receitas causada pela pandemia do coronavírus, já que os jogos foram disputados sem torcedores presentes, um número crescente de grandes clubes de futebol está lançando criptomoedas que permitem que os fãs votem em uma variedade de decisões menores, tais como a música tocada nas partidas depois que um gol é marcado ou imagens usadas nas redes sociais.

Os chamados tokens de fãs podem ser negociados em bolsas como outras criptomoedas, atraindo a atenção de investidores institucionais e de varejo, que acompanham os preços dos ativos digitais conforme o desempenho dos times em campo.

Veja também: Clube-empresa irá salvar os times do futebol brasileiro?

Expansão de mercado

O aumento de tokens de fãs é parte de uma expansão cada vez mais profunda na indústria esportiva de criptomoedas. Em alguns esportes, as equipes se ofereceram para pagar jogadores e funcionários em moedas digitais, enquanto outros aceitam criptomoedas para ingressos ou outros produtos.

Os principais clubes de futebol da Europa, como, por exemplo, o Arsenal, Barcelona, ​​Juventus e PSG,  já faturaram £150 milhões (mais de R$ 204 milhões) com vendas na plataforma Socios.com, onde podem oferecer tokens especiais aos torcedores, trabalhando com o esquema de recompensa e influência dos torcedores.

Inspirado nesse movimento, o Clube de Regatas do Flamengo, que possui a maior torcida do Brasil, quer aproximar todos que possuem paixão pelo futebol e pelo time, ao universo criptográfico.

Veja também: Tokens do Corinthians esgotam em 2 horas, com R$ 8,7 milhões de lucro

Flamengo no universo das criptomoedas

O token de fã do Flamengo será lançado ainda este ano, em cooperação com a plataforma Socios.com, que oferece às organizações esportivas um aumento na interação e monetização da base de fãs,  através da tecnologia blockchain.  Além disso, a plataforma irá de patrocinar o clube.

As negociações já estão em curso e aguardam a aprovação do comitê de revisão do Flamengo, que deve ocorrer nos próximos dias.  Importante destacar que o contrato prevê a exposição da marca nas camisas do time de futebol masculino profissional, nos uniformes do time femininos e juvenil, bem como, nos pacotes de mídia transmitidos durante a FlaTV, nas redes sociais do Flamengo, nas publicações de aniversário e durante a divulgação da escalação da equipe masculina em dias de jogos.

O contrato é válido até o final de 2025. Além de uma valor fixo não divulgado, o Flamengo terá direito a parte da receita de venda obtidas com os tokens. Conforme as informações divulgadas no site oficial do clube, o torcedor rubro-negro que adquirir o fan token poderá, por exemplo, votar em detalhes do uniforme do time ou opinar sobre a música que irá tocar no aquecimento pré-jogo.

Em suma, para cunhar os tokens de fãs do Flamengo, Socios.com conta com o blockchain Chiliz alimentado por sua moeda CHZ. Com isso, tanto a empresa, quanto o Flamengo,  encontraram uma nova forma de gerar receita, a partir de uma base de fãs,  diferente da receita tradicional, advinda da venda ingressos dos jogos.

Veja também: Não seja um sócio-torcedor de ações

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts