Binance garante que não reporta as transações de brasileiros à Receita Federal

Binance realiza queima de quase US$ 640 milhões em tokens BNB

A Binance completou uma nova rodada de queima de tokens no início desta semana. Mais de 1 milhão de tokens BNB foram retirados de circulação, o que se compara às queimas anteriores.

No entanto, a Binance informou que esta foi a maior queima de todas realizadas. A queima foi anunciada no início desta segunda-feira (18), através do site oficial da exchange. De acordo com a troca, 1.335.888 Binance Coins foram retirados, sendo que em dólares, pela cotação atual, equivale a US$ 639,462 milhões.

O Programa Pioneer Burn é o que realiza a queima de tokens da Binance. Esses endereços passam a ser considerados mortos, uma vez que não é mais possível realizar o envio de BNBs para os mesmos.

Queima atual da Binance supera a anterior

Essa queima é um pouco maior do que a anterior realizada pela Binance, quando na ocasião foram queimados 1.296,728 tokens BNB. Esta já é a terceira queima seguida da Binance em maiores quantidades.

Em termos fiduciários, essa queima recente é a que atingiu o maior valor, sendo a única que foi capaz de remover mais de US$ 600 milhões em valor, mostrando o crescimento da BNB sobretudo desde o início da pandemia.

Aumento da capitalização de mercado

Desde a última queima realizada, a capitalização de mercado da BNB aumentou consideravelmente. No dia 18 de julho, a capitalização estava em US$ 50 bilhões, a capitalização total já quase dobrou, estando hoje em US$ 80 bilhões. Isso ajuda a explicar o valor recorde que foi queimado em dólares.

A Binance costuma realizar queimas a cada trimestre, que são procedimentos que já estão designados no white paper da empresa. Isso irá acontecer até que se chegue a unidade mínima de 100 milhões de tokens, considerando que o projeto do BNB Token começou com 200 milhões de unidades.

A oferta atual de circulação de BNB tokens é de um pouco mais de 160 milhões, com previsão de que já para o próximo ano caia para menos de 150 milhões de unidades, deixando o token ainda mais valorizado e tentando por que não, ganhar espaço para encostar na Ethereum, soberana no segundo posto do criptomercado.

Recente movimento fez com que a BNB ultrapassasse a Cardano

Os últimos movimentos fizeram com que a Binance Coin tomasse a posição da Cardano no ranking de capitalização de mercado, também marcado pela queda da ADA, que após testar US$ 2,93 e ficar muito perto da marca dos US$ 3, acabou perdendo resistência e nesse momento está entre US$ 2 e U$ 2,20, não aproveitando o momento de alta de diversas altcoins para continuar ganhando força.

Muito tem se comentado sobre uma possível regulação da Binance no Brasil, ainda mais após o encerramento das atividades em Singapura, o que deixou ainda mais incertezas. Porém a plataforma deve seguir investindo altas quantias nas finanças descentralizadas, pois segue firme com o projeto de sua plataforma descentralizada, a Binance Smart Chain.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts