Nox Bitcoin Report #17 – Entendendo a taxa de escassez do Bitcoin

nox bitcoin report 15

Relatório elaborado por: Lucas Bassotto – Analista de Conteúdo na Nox Bitcoin.

risco investimentosOlá, tudo bem? Essa é mais uma edição do Nox Bitcoin Report. Construí esse relatório para ajudar vocês a entenderem o papel do Bitcoin no mundo atual, assim como investigar um dos seus principais fundamentos: a escassez.

Variação de preço (04 a 10/nov)

gráfico do bitcoin

Se tratando de preços, não aconteceram maiores mudanças. Os preços pouco oscilaram, chegando a tocar a mínima de US$ 8,670. No entanto, o mercado rejeitou o fundo e o preço retornou para a região dos US$ 9,000 próximo ao fechamento da semana (domingo).

Variação de preços (De 04 a 10 de novembro)

cotação do bitcoinFonte: TradingView – XBTUSD Inverse Swap

Notícias relevantes da semana

(Investificar) Ray Dalio disse que o mundo está louco

Se você não sabe, Ray Dalio é o CEO, fundador e gestor do maior fundo de investimentos de proteção do mundo. Nesta semana, Dalio soltou um artigo falando que o mundo estava louco. Ele analisou o atual estágio da economia mundial, com juros negativos, empresas que não dão lucro e inflação no preço dos ativos financeiros. É preciso tomar cuidado, ser crítico com seus investimentos e cético com especialistas que falam com tanta certeza.

(The Block) Bakkt atinge máxima histórica

A Bakkt está começando a parar de engatinhar para começar a andar. Ela movimentou US$ 15,33 milhões em um único dia. É nítida a melhora de volume, apesar da burocracia inicial para cadastros. Ainda é preciso levar em consideração que é difícil e burocrático abrir uma conta por lá. Ou seja, ainda vai levar tempo para que o mercado comece a utilizá-la em maior escala.

(The Block) Vendas de Bitcoin no Cash App batem recorde

Outro trimestre, outro recorde de vendas de bitcoin para o Square Cash App. A Square registrou um recorde de US$ 148 milhões em vendas de bitcoin no terceiro trimestre de 2019, um aumento de ~ 20% nos volumes e um aumento de mais de 245% desde o terceiro trimestre de 2018. 

Volume mercado spot

Em qualquer mercado, o volume negociado é um indicador importante, pois com mais participantes e mais liquidez, as diferenças entre ofertas de compra e venda ficam menores (o famoso bid-ask spread) tornando o preço mais confiável. 

Com isso, vamos analisar o volume de três corretoras que compõem o índice Bitmex: Coinbase Pro, Kraken e Bitstamp. Elas são as três principais do mercado à vista. 

Volume de 04 a 10 de Novembro

volumeFonte: Investing

Sem volatilidade, sem festa. O volume caiu 13,81% nas corretoras que compõem o índice de preço da Bitmex. Isso não é necessariamente ruim, mas mostra que esse mercado ainda depende de volatilidade para ter um alto volume. É importante olhar para essas corretoras porque elas são a principal fonte de entrada de dinheiro fiat (Euro, Dólar) para esse mercado.

Taxa de escassez do Bitcoin

Escassez é um dos fatores mais importantes para o Bitcoin. Costumo dizer que esse é o melhor indicador “macro” para se guiar na hora de investir. 

A taxa de escassez é o número que obtemos quando dividimos o estoque total do ativo pela produção anual (fluxo). Ela nos diz quantos anos são necessários, na taxa de produção atual, para produzir o que está no estoque atual. Ou seja, ela nos diz o quanto aquele ativo é escasso.

Essa métrica já é utilizada no mercado de metais preciosos, especialmente para Ouro, Prata, Aço e Paládio. Nos últimos anos, ela também foi desenvolvida para o Bitcoin, através de um pesquisador conhecido como Plan B

Ele desenvolveu o modelo levando em consideração os cortes na taxa de emissão de Bitcoin a cada 4 anos (halving). Sua hipótese é que isso diminui o flow (produção) em relação ao estoque total. 

Como o Bitcoin é praticamente fixo a 21 milhões, um halving aumentaria a taxa de escassez do ativo, o que leva a um aumento de preço, provocado por um choque de diminuição de oferta. Ele levou em consideração essas hipóteses e construiu um modelo estatístico, que apontou para alta correlação entre preço do Bitcoin e taxa de escassez.

O gráfico abaixo mostra essa relação. A escala colorida é uma “temperatura” em relação à distância de tempo para o próximo halving. Ela vai ficando mais azul conforme a distância vai diminuindo, ou vermelha conforme a distância for aumentando.

taxa de escassez do bitcoinAtualmente, a taxa de escassez do Bitcoin é de 25 anos para produzir todo o estoque, podendo ir para 50 no próximo halving. O Ouro tem uma taxa de escassez em 62 anos. 

O modelo abaixo defende que a escassez é um fator fundamental para o Bitcoin. A tendência de preço está traçada na linha azul e a linha colorida mostra o preço em relação ao halving.

Indicadores TradingView

Esses indicadores funcionam muito bem para quem quer fazer uma rápida análise do preço do Bitcoin. O TradingView reúne análise de diferentes médias móveis e osciladores, dando forma ao indicador abaixo, que no geral, diz qual foi a movimentação do mercado na última semana.

indicadores tradingview
Fonte: TradingView

No geral, não tivemos mudanças em relação a semana passada, os preços pouco mudaram para afetar os osciladores e médias móveis. 

Conclusão

Precisamos parar de ficar olhando para preço e começar a entender o real valor do Bitcoin. Preço é apenas uma manifestação de forças do mercado, que muitas vezes podem atribuir um valor errado ao Bitcoin. 

Estamos diante de uma classe de ativo extremamente escassa que pode andar lado a lado com o ouro na proteção de riqueza contra desastres econômicos e políticos. Acredito que o valor disso seja relativamente alto. 

O indicador de taxa de escassez é essencial para entender o que de fato é alocar uma parte do seu portfólio em Bitcoin, mas não uma parte que deixe você desconfortável caso a rentabilidade fique negativa.

Leituras recomendadas para a semana:

  1. Por que empresas que não lucram estão crescendo?
  2. A história não contada do McNuggets
  3. O que é um ETF?
  4. A crise mundial que está por vir

Confira os relatórios anteriores: Nox Bitcoin Report