Receita Federal alerta para fraudes por e-mail sobre Imposto de Renda

Receita Federal alerta para fraudes por e-mail sobre Imposto de Renda

Segundo uma reportagem divulgada no Agência Brasil, alguns fraudadores estão enviando e-mails com falsos saldos residuais do Imposto de Renda para enganar contribuintes. O alerta veio através da Receita Federal nesta terça-feira (16) e vale a pena ficar atento para não cair nesse tipo de golpe.

Segundo o Fisco, a mensagem em questão dos fraudadores não passa de golpe e deve ser ignorada, embora muitas pessoas desavisadas acabam sendo expostas aos riscos de cair em golpes semelhantes a esse.

A Receita Federal ainda informou em nota que não envia e-mails ou mensagens de nenhum tipo que contenham informações do contribuinte, ou então que peçam dados pessoais ou informem trâmites sobre o Imposto de Renda ou sobre processos em andamento.

Veja o que mudou para declarar bitcoins no imposto de renda 2021

Ainda conforme afirma o Fisco, a única mensagem que o contribuinte poderá receber no e-mail ou no celular é um alerta para entrar no Centro de Atendimento Virtual (e-CAC) do Fisco e conferir pendências. Essa acaba sendo uma novidade que entra em vigor na declaração do Imposto de Renda Pessoa Física durante este ano de 2021.

Importante informar que somente no e-CAC, o contribuinte terá um ambiente seguro, acessado com login e senha ou certificado digital, para conferir problemas no processamento da declaração ou conferir qualquer pendência. A própria Receita Federal confirma esta informação.

A recomendação dada pelo Fisco é de que o cidadão não clique em nenhum link ou não interaja com e-mails recebidos em nome da Receita, mesmo que pareçam legítimos, já que se tratam de golpistas tentando se aproveitar de pessoas que não tenham conhecimento de que estão no meio de uma fraude.

Fique atento a fraudes nesse período de declaração do Imposto de Renda

Nesse período em que estão sendo realizadas as declarações de Imposto de Renda no Brasil, o número de golpistas querendo se aproveitar da situação também acaba aumentando. Vale ressaltar que embora a declaração do IR possa ser feita até o dia 30 de abril, já existe um Projeto de Lei que pode aumentar esse prazo.

O Projeto de Lei 639/21 prevê o aumento de até 90 dias do prazo final do envio da declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física para a Receita Federal. A ideia do projeto é que os contribuintes possam enviar as informações de declaração até o dia 31 de julho de 2021.

A data atual que está colocada para a entrega da declaração do IRPF é até o dia 30 de abril de 2021 e corresponde aos rendimentos obtidos no ano de 2020. Além disso, o texto do projeto realiza a determinação de que os lotes de restituição comecem a ser pagos no dia 20 de maio de 2021.

O autor do projeto em questão é o deputado Rubens Bueno, do partido Cidadania. Agora, o projeto está em tramitação na Câmara dos Deputados, onde deve ser discutido e colocado em votação para que possa entrar em vigor.

Rubens Bueno pretende colocar em pauta o projeto em questão para que sejam aumentados 90 dias do prazo de envio da declaração, e assim, os contribuintes tenham um tempo suficiente para entregar todos os documentos necessários e exigidos durante a declaração.

Sendo aprovado ou não esse projeto, é importante ficar atento a qualquer eventual possibilidade de golpe com relação a esse período, ou até mesmo quando ele se encerrar, buscando sempre informações do que é verdadeiro, ou no mínimo incompatíveis com a normalidade do que a Receita Federal costuma pedir ou por quais meios ela procede isso.

Veja também: Saiba quanto custariam os carros no Brasil se não tivessem impostos

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts