PSafe revela que 4,6 bilhões de dados foram vazados em 2021

PSafe revela que 4,6 bilhões de dados foram vazados em 2021

A empresa de cibersegurança de dados PSafe já registrou 4,6 bilhões de informações privadas vazadas no ano de 2021 em todo o mundo. A tendência, segundo a própria empresa, é que seja ultrapassada a marca de 10 bilhões de dados vazados até o final do ano.

Os números dão a dimensão do tamanho da dificuldade que temos nos dias atuais em preservar os nossos dados. O atual número de 4,6 bilhões de dados vazados nos dá a dimensão do que está acontecendo, em um aumento na nossa exposição de 387% quando comparado a 2019, onde aconteceu 1,2 bilhão de furos de informações pessoais em todo o mundo.

Tendência é de cada vez menos privacidade

O que vemos em diversas redes sociais como Telegram e WhatsApp, são os comentários de que os nossos dados irão ser preservados, mas na prática o que está acontecendo é justamente o contrário.

Por conta da pandemia, as pessoas começaram a trabalhar desde casa através de seus computadores. Na ocasião, os vazamentos atingiram 9,95 bilhões de dados, justamente em levantamento feito pela PSafe, que é especialista em cibersegurança.

CEO da PSafe alertou sobre como nos proteger contra o vazamento de dados

Para o CEO da PSafe Marco deMello, os cibercriminosos estão avançando a cada dia que passa. Eles se beneficiam por conta da inteligência artificial, expondo um crescimento que já estava acontecendo desde 2019.

Se o comparativo for apenas entre 2019 e 2020, vimos que o salto registrado foi de 726% no número de credenciais expostas de forma ilegal. Os dados passaram a ser caçados pelos cibercriminosos por conta da ampla digitalização do banco de dados nos últimos anos.

Esse aumento no número de informações facilitou o contrabando de dados “No passado, para que uma invasão a um site ocorresse, era necessário que um hacker altamente especializado fizesse todos os estudos das infraestruturas digitais a fundo”, completou o CEO da PSafe.

Vazamento de dados no Brasil também está aumentando

No Brasil todas as semanas estão acontecendo vazamento de dados. Sobre estas informações que foram expostas, as bases vazadas somente em 2021 no Brasil atingem o número de 10 milhões de brasileiros.

Diante de todos estes fatos é muito comum que a população se sinta um pouco desorientada. Além das informações que foram vazadas, as empresas podem acabar sendo punidas pela má gestão das informações de seus clientes, pois existem leis no Brasil que garantem o direito da privacidade de nossos dados.

A LGPD entrou em vigor ainda em setembro do ano passado, deixando bem claro que todas as nossas informações pessoais são importantes, e por isso quem os coleta e trata (tanto instituições do Governo como também empresas) têm o dever de fazer os procedimentos de forma correta.

Isso significa que os clientes precisam ser consultados previamente para passarem as suas informações seja para qual tipo de serviço for, desde as farmácias que coletam o nosso número do CPF até demais informações que precisam dos dados pessoais.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts