Parlamento aprova lei para legalizar criptomoedas na Ucrânia

Parlamento aprova lei para legalizar criptomoedas na Ucrânia

O parlamento da Ucrânia aprovou hoje (8) em uma segunda discussão, um projeto de lei que visa regularizar e legitimar o uso e o comércio de criptomoedas no país.

Parlamento aprova lei para legalizar criptomoedas na Ucrânia
Total de votos do parlamento ucraniano

Com um total de 276 votos a favor, o Projeto de Lei do Patrimônio Virtual foi aprovado pela maioria dos parlamentares, estando mais perto de se tornar lei, o que permitirá estabelecer um primeiro regulamento efetivo em relação as criptomoedas, estabelecendo diretrizes para que os interessados ​​possam negociar os referidos bens e declarar os tributos que forem correspondentes.

Diversas personalidades do criptomercado parabenizaram a medida, entre as quais se destaca o CEO da Binance, Changpeng Zhao (CZ), que descreveu este fato como um grande esforço para trazer maior clareza regulatória às criptomoedas, o que beneficiará muito o país local e internacionalmente. 

Parlamento aprova lei para legalizar criptomoedas na Ucrânia
Twitter – Changpeng Zhao

Veja também: Rede de lojas do México anuncia Bitcoin como novo método de pagamento

Mais sobre o projeto de lei

As criptomoedas não eram legais nem proibidas na Ucrânia porque não havia leis que as definissem. Os ucranianos podiam comprar e trocar moedas virtuais, mas os tribunais locais não poderiam protegê-los se algo desse errado. Desse modo, com a formulação de princípios voltados à proteção dos consumidores, eles terão o direito de exigir proteção legal, de modo a proteger suas criptomoedas.

Da mesma forma, além de estabelecer um quadro de obrigações e ações relacionadas às moedas digitais para usuários e empresas, a aprovação da segunda proposta estabelece diretrizes para a comercialização e tributação das criptomoedas, permitindo que empresas internacionais, com produtos e serviços criptográficos se cadastrem e realizem negócios no país.

Portanto, a lei recomenda que o Ministério da Transformação Digital da Ucrânia supervisione o mercado de criptomoedas, enquanto autoriza o Banco Nacional da Ucrânia e a Comissão Nacional do Mercado de Valores Mobiliários, realizando a supervisão e apoio às suas áreas de negócio.

Vale destacar que o projeto de lei propõe a criação de uma nova agência reguladora, o Serviço Nacional de Regulamentação de Ativos Virtuais (NVARS), cuja principal responsabilidade é a emissão das licenças correspondentes às empresas criptográficas que estejam interessadas em operar na Ucrânia.

Veja também: Deputado apresenta projeto de lei no Panamá para adoção de criptomoedas

Futuro das criptomoedas na Ucrânia

Sobre os benefícios para os usuários de criptomoedas na Ucrânia, o vice-ministro da Transformação Digital, Alex Bornyakov, destacou que ter esse primeiro marco legal traz muito mais transparência às operações no mercado local, acrescentando:

“Os proprietários de criptomoedas terão várias vantagens … Com uma base legal para esses ativos, eles poderão pelo menos proteger sua fortuna virtual caso algo aconteça. Eles também terão todo o direito de trocar suas criptomoedas e declará-las, um processo que será totalmente transparente”.

Bornyakov também incluiu neste grupo, todos os interessados ​​em pagar por bens e serviços usando suas criptomoedas, que podem realizar isso de forma legítima, ou seja, sem entrar em conflito com a legislação em vigor.

Em suma, as criptomoedas são muito populares entre os ucranianos, com atividades diárias de negociações de ativos virtuais no país em torno de US $37.000, de acordo com Mykhailo Fedorov, ministro da Transformação Digital da Ucrânia. Desse modo, caso as criptomoedas se tornarem legais e, portanto, mais seguras, cada vez mais ucranianos irão investir nelas. 

Veja também: Criptomoedas e casos de divórcio: Entenda a relação

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts