Os ganhos com Bitcoin em El Salvador não serão tributados, mesmo em operações que incluam lucro após realizar uma compra e vender o ativo por um preço mais alto

El Salvador não vai cobrar impostos sobre ganhos com Bitcoin

Os ganhos com Bitcoin em El Salvador não serão tributados, mesmo em operações que incluam lucro após realizar uma compra e vender o ativo por um preço mais alto. As informações foram confirmadas pelo Governo Local.

A realidade é um pouco contrária quando pensamos que diversos Governos no mundo estão querendo tributar os ganhos com criptomoedas, pelo fato de existir uma profunda valorização do BTC e que deve se estender nos próximos anos.

No caso do Brasil, mesmo sem haver uma regulamentação definida pela Comissão de Valores Mobiliários, a Receita Federal já estabeleceu algumas normas, como criar um código único para a declaração destes ativos no Imposto de Renda.

Isenção de impostos para investidores em Bitcoin deve atrair estrangeiros ao país

No dia 7 de setembro, El Salvador se tornou o primeiro país a oficializar o Bitcoin como uma moeda de curso legal. Atualmente, 70% da população do país está desbancarizada e como medida o Governo decidiu adotar as criptomoedas.

Um membro do Governo de Bukele declarou que a próxima medida será isentar o Imposto de Renda para os estrangeiros que negociarem bitcoin em El Salvador, mesmo quando eles tiverem ganhos em suas posições.

Isso significa que mesmo que o negociante obtenha um grande lucro em Bitcoin, ele ficará de fora dos pagamentos de tributos. Javier Argueta, que é assessor jurídico do Presidente de El Salvador foi quem forneceu a informação.

Governo de El Salvador quer chamar a atenção dos investidores do mundo todo

A principal intenção do Governo com essas medidas, é possibilitar a chegada de investidores estrangeiros no país, sendo que essa foi uma das razões pela qual Bukele pediu que o Bitcoin fosse aprovado no Congresso.

El Salvador não dispõe de uma moeda nacional no país há pelo menos 20 anos, sendo que esse foi o motivo para que o dólar americano fosse a divisa fosse a moeda oficial do país. Agora com a chegada do Bitcoin, o país passa a ter duas divisas oficiais.

Outra informação que foi compartilhada pelo Governo de El Salvador é em relação às remessas recebidas pela população local dos imigrantes que partem para outros países em busca de melhores salários.

Maior parte do PIB de El Salvador depende das remessas internacionais

Um quinto do PIB de El Salvador é proveniente das remessas que chegam de outros países, em especial dos salvadorenhos que estão nos Estados Unidos. Agora quem está em El Salvador terá a possibilidade de receber em Bitcoin, o que também anima o Governo para diminuir as burocracias e os custos pelas transações.

Em um experimento recente, um salvadorenho recebeu remessas em Bitcoin e além de receber remessas em dólares americanos pela Western Union. Além do valor com a moeda digital ter chegado antes, não houve nenhum tipo de desconto.

O Governo Local também alertou que irá reprimir qualquer tipo de lavagem de dinheiro que possa ser feito através da utilização do Bitcoin. O BTC assim como outras criptomoedas, opera em queda neste momento, cotado em US$ 44 mil.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts