2 de agosto, 2019

|

por: JP

|

Categorias: Investimentos

Os melhores indicadores de análise técnica

Os indicadores de análise técnica são muito úteis no momento de identificar tendências de preço a curto, médio e longo prazo. Eles não são uma bola de cristal, mas conseguem ter um bom nível de assertividade quando utilizados corretamente. Esses indicadores são quantitativos, o que significa que eles são fundamentados estatisticamente.

Existem centenas de indicadores, no entanto, utilizar um número muito alto deles pode levar à confusão e a sinais falsos. O ideal é utilizar no máximo dois ou três com um bom nível de domínio. Neste artigo do Investificar, separei três indicadores que podem ajudar você a curto, médio e longo prazo nas suas operações com criptomoedas.

Médias Móveis, o mais tradicional da análise técnica

As Médias Móveis são médias de preços estabelecidos em um determinado período. Elas são um bom indicador de análise técnica para detectar mudanças de tendências. Existem dois tipos de Médias Móveis: as simples e as exponenciais.

indicador média móvel de análise técnica

A Média Móvel Simples (MMS) só considera o conjunto de preços dentro de um determinado período. Se ela for de 10 dias, só vai considerar os últimos 10 dias. Além disso, ela distribui igualmente o peso entre preços mais recentes e os mais antigos, o que, na verdade, é uma desvantagem, porque ela perde sua agilidade na detecção de oscilações do preço.

A Média Móvel Exponencial (MME) considera uma média ponderada com os preços mais recentes e um peso maior. Ela também considera todos os dados passados. A MME é mais utilizada por traders porque ela é melhor opção para detectar oscilações de preço a curto prazo.

Leia também:

Como usar?

A principal estratégia é a de cruzamento de Médias Móveis. As mais utilizadas por traders são as de 50, 100 e 200 períodos. Quanto maior for o período, menos sensível a Média Móvel se tornará. Ela é um excelente indicador de análise técnica.

A Média Móvel de 200 períodos é considerada a mais importante a longo prazo, assim como a de 100 e 50 representam o médio e curto prazo, respectivamente. O ativo pode estar desvalorizado se seu preço estiver abaixo da EMA (200), o que representa uma boa oportunidade de compra, assim como ocorreu em dezembro de 2018 com o Bitcoin.

O cruzamento de Médias Móveis de 50 e 100 períodos também pode representar uma oportunidade de venda ou compra. Em abril, ocorreu um cruzamento das Médias Móveis de 50 e 100 períodos, o que pode ser interpretado como uma boa oportunidade de compra.

média móvel

As Médias Móveis também são indicadores para a identificação de resistências e suportes. Operar com afastamento de preço da Média Móvel também é viável. Alguns traders acreditam que quando o preço se afasta muito da média, ele tem a tendência de retornar à ela.

Bandas de Bollinger, indicador para detectar volatilidade

bandas de bollinger análise técnica

O indicador Bollinger Bands ou Bandas de Bollinger (BB) foi criado no início dos anos 80 pelo analista financeiro e trader John Bollinger. Esse é um dos indicadores mais utilizados no mercado financeiro para análise técnica e é recomendado para operações de curto prazo. Sua vantagem é a detecção de oscilação.

exposilão das bandas de bollinger

Ele ressalta o quanto os preços do mercado estão dispersos do preço médio. Desse modo, a BB é composta por duas bandas (uma inferior e uma superior) e uma Média Móvel. Essas bandas se expandem (se afastam da Média Móvel) quando a volatilidade está alta e se retraem (se aproximam da Média Móvel) quando a volatilidade está baixa.

Em outras palavras:

Banda superior – Média Móvel Simples de 20 dias + (Desvio Padrão do Bitcoin de 20 dias x2)
Banda inferior – Média Móvel Simples de 20 dias + (Desvio Padrão do Bitcoin de 20 dias x2)

Como usar?

É importante não ter as Bandas de Bollinger como o único indicador para se operar no mercado. Ele deve ser utilizado com mais um ou dois indicadores para auxiliar você no momento da decisão.

Normalmente, quando o preço foge das bandas (superior ou inferior), quer dizer que existe um descolamento ou uma sobrecarga em relação à média. O mercado pode estar sobrecomprado ou sobrevendido, com tendência de retornar à média com o passar do tempo.

Se o preço não consegue romper as bandas de bollinger, é sinal de uma forte resistência ou suporte. Alguns traders creem que o mercado terá grande volatilidade quando as bandas estiverem contraídas e próximas à média.

RSI – Índice de Força Relativa

rsi

O RSI mede as alterações do preço de um ativo por um determinado período. Geralmente ele vem padronizado com o valor 14. Ou seja, se o gráfico estiver definido para período em dias, ele vai medir as alterações dos últimos 14 dias, se estiver em hora, 14 horas.

O cálculo do RSI consiste na divisão do ganho médio que o preço teve durante o período pela perda média que sofreu e, em seguida, organiza o cálculo em uma escala de 0 a 100, indicando se o ativo negociado está sobrecomprado ou sobrevendido.

Se o RSI marca uma faixa acima de 70 pontos, ele indica que o ativo está sobrecomprado, o que quer dizer que o mercado está predominantemente comprando dentro desse período. Se ele estiver abaixo de 30, indica uma sobrevenda, o que quer dizer que o mercado está vendendo fortemente o ativo.

É preciso tomar cuidado com as divergências. Muitas vezes, o RSI pode estar indicando uma sobrecompra e o trader pode ser enganado, porque mesmo que o RSI indique essa condição de compra forte, o preço necessariamente não irá cair.

Como usar esse indicador para análise técnica?

O RSI pode ser configurado para exibir períodos menores. Um RSI de 7 dias seria mais sensível à movimentação do mercado do que um de 14 dias. Caso o RSI marque mais de 70 pontos, seria uma boa hora de vender (se outros indicadores de análise técnica sinalizarem isso). Quando ele marca menos de 20 pontos, é um bom momento para comprar.

como usar o rsi

Mas é preciso tomar cuidado com alarmes falsos e nunca basear suas decisões em apenas um indicador. Observe o fluxo de notícias, o mercado, assim como outras variáveis. O indicador não é uma bola de cristal, é uma ferramenta que auxilia nas decisões.

Qual o melhor indicador para análise técnica?

O melhor indicador não existe. Eles se complementam e devem ser utilizados em conjunto para se chegar a uma decisão. Cada indicador tem a sua utilidade.

A Média Móvel é um indicador bom para reversão de tendência do mercado, tanto para o longo quanto para o curto prazo. Operar cruzamento e afastamento de Médias Móveis não é tão difícil, principalmente se ele for utilizado junto a um RSI.

As Bandas de Bollinger são utilizadas para medir oscilações de mercado. O preço tende a retornar à média quando ele se afasta muito das bandas. O estreitamento das bandas indica baixa volatilidade, o que pode sinalizar uma grande movimentação de preços no futuro.

O RSI é um dos indicadores mais populares do mercado. Ele basicamente indica a força compradora e vendedora do mercado com base no período anterior, além de ter potencial se utilizado com Bandas de Bollinger ou Médias Móveis.

Os indicadores são excelentes ferramentas no auxílio de tomada de decisões. É importante notar que eles devem AUXILIAR. Eles não têm capacidade de prever o futuro O uso de um único indicador pode ser extremamente irresponsável e levar a muitos erros de operação.

Quer negociar Bitcoin na melhor cotação e com agilidade? Cadastre-se na Nox Bitcoin.

Publicado anteriormente no Guia do Investidor.