4 de novembro, 2019

|

por: Lucas Bassotto

|

Categorias: Investimentos

Estratégia de Barbell: como ter uma carteira antifrágil

A estratégia de Barbell foi utilizada pelo especulador Nassim Taleb, que fez fortuna especulando no mercado de derivativos de ações. Mais especificamente no mercado de opções. Ela é uma forma diferente de alocar sua carteira de investimentos para buscar o melhor retorno com o menor risco.

Imagine um trader que ia para seu escritório, abria o jornal, acompanhava as cotações, via o prejuízo que tomava e voltava para casa. Foi assim a vida de Nassim Taleb por anos a fio. Ele literalmente tinha se acostumado a se tornar um perdedor. Mas ele estava tranquilo, afinal, ele tinha alocado sua carteira de forma que garantia essa paz de espírito.

O Barbell de Taleb

O primeiro mandamento dos investimentos é “Não perca dinheiro”. Essa frase fora proferida por Warren Buffett, um dos maiores investidores de todos os tempos. Taleb adaptou essa frase e a tornou um pouco mais radical: “Elimine o risco de ir à ruína. Não quebre em hipótese alguma”.

taleb

Nassim Taleb, autor de Antifrágil e Cisne Negro.

Taleb acredita que todos os investidores deveriam utilizar essa estratégia para alocar os investimentos em carteira. Basicamente, Barbell é uma estratégia muito simples que pode ser aplicada até por investidores que estão começando a querer diversificar seus investimentos.

A estratégia de Barbell defende que nossa carteira deve estar alocada 90% em investimentos de baixo risco (Títulos de Renda Fixa de liquidez diária, dinheiro, Ouro) e 10% em investimentos de altíssimo risco, mas com alto potencial de retorno (bitcoin, opções de bitcoin, ações smallcaps, opções de ações).

Os extremos que se complementam

Taleb acredita que não devemos perder tempo com investimentos de médio risco, isso acontece porque eles não compensam a relação de risco x retorno. Ou seja, o investidor deve estar exposto a ganhos exponenciais com uma pequena parcela do seu capital. A imagem abaixo define perfeitamente a estratégia de Barbell.

estratégia de barbell

O interessante dessa estratégia é a sua humildade. Ela não se foca em coisas que não conseguimos controlar: volatilidade e retorno. Por outro lado, ela foca exatamente naquilo que temos o controle: nas perdas potenciais do nosso investimento. Caso as perdas aconteçam, você estará perdendo muito pouco do seu capital (até 10%).

Por outro lado, se você se expor em opções, elas trarão um retorno exponencial do investimento. Isso acontece porque o retorno das opções não é linear em forma alguma. Elas oscilam mais do que o ativo em que ela se baseia. Não é muito incomum ver opções de Bitcoin tendo retornos de 100%, 200%, 300%.

Ou seja, Taleb diz para entrarmos em investimentos que possuem um upside (potencial de retorno) ilimitado e um downside (potencial de perda) limitado. Além dessa característica, esses investimentos devem se beneficiar da volatilidade (positiva ou negativa).

Por exemplo, se quero me preparar para uma grande crise mundial, eu poderia comprar opções de venda (puts) de Ibovespa utilizando uma pequena quantia do meu dinheiro. Caso as ações despenquem, as opções terão um grande retorno financeiro, porque o retorno delas não é linear.

Carteira antifrágil

Através dessa estratégia é possível montar uma carteira que Taleb chama de Antifrágil. Isto é, uma carteira que se beneficia da volatilidade e de eventos aleatórios. Estando propriamente alocado, o pequeno capital de risco de sua carteira deverá ser capaz de entregar altos retornos.

Essa carteira se beneficia de eventos que promovem profundo impacto na economia e na sociedade, como foi com a crise de 2008. Aliás, foi assim que Taleb enriqueceu: preparando seus investimentos para o aleatório, tais como: segunda-feira negra de 87, bolha pontocom e crise de 2008.

Não podemos nunca adivinhar quais serão esses eventos. O máximo que podemos fazer é nos preparar para eles.

Publicado anteriormente no MoneyTimes

Leitura sugerida:

Por que o day trade não funciona? Hayek, Taleb e Mises respondem

Nox Bitcoin Report

Como fazer diversificação de investimentos