Ethereum e Yuan digital podem se integrar? Confira os rumores

Ethereum e Yuan digital podem se integrar? Confira os rumores

Estudiosos em criptomoedas fizeram uma análise mais recente de que a Ether, criptomoeda da rede Ethereum, poderia se integrar ao yuan digital, moeda fiduciária que está sendo produzida pelo Governo Chinês desde 2014. Essa união seria chamada de um contrato inteligente fiduciário. O plano da moeda digital é integrar o Yuan digital à Ethereum.

As moedas digitais centralizadas que são emitidas pelos Governos ao redor do mundo, são chamadas de CBDCs, sigla para Central Bank Digital Currency. Nos últimos dias o Banco Central do Brasil se posicionou sobre o projeto do Real Digital, com previsão de sair até 2022 ou 2023.

Entenda as diferenças dessas CBDCs para o Bitcoin

Existem diferenças notórias quando comparamos as moedas digitais de Bancos Centrais para o Bitcoin, por exemplo. As CDBCs, são emitidas de acordo com a adesão da população na moeda e na necessidade de medidas governamentais de interferência na economia, assim como acontece nas moedas fiduciárias físicas atualmente e é o que define a cotação de quanto vale cada moeda nacional.

No caso das moedas descentralizadas, como o Bitcoin e a Ethereum, elas são lançadas através de algoritmos imutáveis, que são lastreados na criptografia do sistema e com transações livres com código aberto, conhecidas como blockchain.

Como seria a integração do Yuan digital ao Ethereum

A informação de uma possível integração do Yuan digital com o Ethereum, foi alvo de comentários do portal chinês 8BTC, mais precisamente no último final de semana, dias 29 e 30, em uma Conferência de Primavera, evento realizado em Pequim. Foram discutidos vários temas, como fintechs, finanças ecológicas, mercados e as criptomoedas.

A China foi o país pioneiro no estudo e lançamento de moeda digital emitida por um Banco Central, sendo um tema que foi muito discutido pelos arquitetos do mercado. Um dos comentários foi feito por Yao Qian, que trabalhou no projeto do yuan digital em 2018. Depois disso, ele saiu do Banco Central chinês e foi trabalhar na Comissão de Valores Mobiliários.

Apesar de Yao não fazer mais parte do projeto, ele afirmou que continua acompanhando os passos do desenvolvimento do yuan digital. Yao ressaltou que a rede da Ethereum poderia ser benéfica para a CDBC do Banco Central Chinês, por conta da possibilidade de criar contratos inteligentes.

“A moeda digital não pode ser uma simples simulação da moeda física, e se as vantagens do “digital” forem usadas, a futura moeda digital certamente mudará para a moeda inteligente”. afirmou Yao.

Real digital também teria planos para recorrer ao dinheiro programável

O Brasil também está estudando a inclusão dos contratos inteligentes para o real digital. De acordo com as diretrizes reveladas pelo BACEN, fica claro que a entidade já tem conhecimentos prévios sobre o assunto e de como seria a implementação em contratos inteligentes para o novo dinheiro programável do país.

Na prática, os bancos centrais planejam criar uma moeda digital que tenha características que já são encontradas em criptomoedas, como Bitcoin ou Ethereum. O plano do yuan digital integrado com a cripto Ether é muito interessante e deveria estar no radar do Brasil para a nossa futura CBDC.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts